3 de outubro de 2014

Fangirl (Resenha)

AUTOR: RAINBOW ROWELL
EDITORA: NOVO SÉCULO
ANO DE LANÇAMENTO: 2014 (traduzido pela NS)
PÁGINAS: 421
Cath é fã da série de livros Simon Snow. Ok. Todo mundo é fã de Simon Snow, mas para Cath, ser fã é sua vida – e ela é realmente boa nisso. Vive lendo e relendo a série; está sempre antenada aos fóruns; escreve uma fanfic de sucesso; e até se veste igual aos personagens na estreia de cada filme. Diferente de sua irmã gêmea, Wren, que ao crescer deixou o fandom de lado, Cath simplesmente não consegue se desapegar. Ela não quer isso. Em sua fanfiction, um verdadeiro refúgio, Cath sempre sabe exatamente o que dizer, e pode escrever um romance muito mais intenso do que qualquer coisa que já experimentou na vida real. Mas agora que as duas estão indo para a faculdade, e Wren diz que não a quer como companheira de quarto, Cath se vê sozinha e completamente fora de sua zona de conforto. Uma nova realidade pode parecer assustadora para uma garota demasiadamente tímida. Mas ela terá de decidir se finalmente está preparada para abrir seu coração para novas pessoas e novas experiências. Será que Cath está pronta para começar a viver sua própria vida? Escrever suas próprias histórias?
Fangirl, foi escrito por Rainbow Rowell (duh), a mesma autora de Eleanor & Park (minha paixão eterna). 
A capa é sem a menor dúvida, o que mais chama a atenção do leitor. Vi muitos comentários sobre o livro, onde as pessoas diziam ter o comprado pela capa.
É um erro? Talvez, mas as vezes funciona, assim como funcionou com FANGIRL.

      O livro conta a história de Cath, uma garota que está entrando em seu primeiro ano de faculdade. Cath é gêmea de Wren (Ê, eu amo gêmeas!), e escritora de fanfics. Na verdade ela escreve fanfics sobre uma só coisa, a série de livros de Simon Snow.
No começo do livro você já começa a conhecer o mundo de Snow, e a autora tem um dom (pelo menos eu achei), de fazer você gostar de dois livros ao mesmo tempo.
      Cath é a irmã excluída. Ela vive enfiada em seu quarto escrevendo e tem um baita problema com socialização. Talvez seja realmente um trauma deixado por sua mãe, quando a mesma abandonou a família. 
      A menina costuma citar, poucas vezes, o garoto Abel, que pra mim era somente um amigo, mas na verdade é seu namorado (?!). Abel é um personagem quase não existente, graças ao bom Deus.
      O que me deixou bem empolgada com a história, foi o fato de Cath e Wren irem morar nos alojamentos da faculdade. Sempre sonhei com essas coisas e quando vi que elas viveriam no campus, quase morri. 
Wren é uma garota que mesmo sendo chatinha, é bem divertida e se importa muito com a irmã, então não se surpreenda se ela fizer algo que te deixe P* da vida. Mesmo assim, eu não chego a gostar muito da personagem. Ela me lembra de pessoas que eu realmente convivi e mantenho distância, então NO WAY WREN!
      Quando as duas vão se inscrever para os alojamentos, Wren deixa bem claro que não quer dividir quarto com a gêmea, ela quer socializar e viver na vida louca, coisa que Cath evita a qualquer custo.
Então ao chegar no campus, Cath conhece Reagan (Não sei pronunciar o nome dela e falo como imagino mesmo), uma garota com aparência meio gótica e fria que é sua colega de quarto. Eu amo Reagan! Ela consegue ser uma amiga próxima e uma pessoa consciente de quando precisa dar espaço para Cath, mas não desde o começo...
      Reagan tem um melhor amigo (ou namorado), que se chama Levi, e ele é um cara muito alegre e está regularmente sentado na porta do quarto das meninas. Levi gosta de conversar e principalmente alegrar as pessoas. Cath deixa bem claro que odeia o modo como ele sorri para qualquer estranho na rua.
      Levi parece feliz demais e simpático demais para um garoto gótico, mas ele usa roupas pretas e anda com Reagan, então essa é a primeira impressão que Cath tem dele. Ele é um cara mais velho e de vez em quando rouba um cigarro da boca de Reagan. Os dois já são veteranos e costumam zoar um pouco de Cath por ser caloura (nada de bullying).
Eles acabam ficando próximos.
      Bom, o pior momento para Cath, tirando todos os acontecimentos inesperados que o livro joga nela, é quando ela precisa parar de escrever sua fanfic "Vá em frente, Simon", para começar a criar algo seu (vamos lembrar que fanfics são histórias baseadas em outras histórias)
Mas também há coisas bem ruins que incomodam sua vida. O pai das meninas, abandonado pela mulher e totalmente fissurado pelo trabalho, é um cara super divertido e bem lelê da cuca, mas isso tende a piorar e Cath precisa ficar dividida entre os estudos, o pai e também a atual rebeldia da irmã na faculdade.
      Wren faz logo amizade com sua parceira de quarto e na minha opinião, a garota é um SACO TOTAL. Querendo ou não, Wren (que é mencionada como a garota que sempre tem o que quer), passa a ser um pouco menos controladora e mais controlada. Histórias e histórias, mas nada de spoiler.
      "Vá em frente, Simon", é uma fanfic muuuito famosa e isso torna Cath mais focada ainda em seu trabalho, sua vida. Ela deixa de ser uma fã da série e passa a viver intensamente por isso.
Ela é muito insegura e acaba tendo dificuldade de produzir algo sem a ajuda de Simon e Baz (os dois personagens da série de livros), e os problemas de sua família afetam 90% de sua mente.
      Cath também conhece Nick, um garoto bonito de sobrancelhas grossas de sua aula de Escrita de ficção e ela acaba tendo uma relação com ele, passando várias noites na biblioteca onde ele trabalhava (sem maldades crianças), para escreverem juntos. 
      A professora Piper é a única professora citada no livro e ela acaba tendo um grande afeto por Cath, principalmente por ter permitido que uma caloura assistisse sua aula, que na verdade só é só para veteranos. Mas Piper é uma escritora de verdade e acaba cobrando de Cath algo que ela sabe que a menina é capaz de produzir, mas não é moleza.  
      Como em todos os livros fofos e engraçados, precisamos de um romance e ah, você verá um romance.
Sinto que se falar como isso vai ser, eu estarei mandando um super spoiler então, que tal você descobrir sozinha?

Fangirl tem muitas coisas hilárias, fofas, tristes, esquisitas e realistas, então acertou em cheio meu coração e levou cinco estrelinhas da Tia Ruuh!



Comente com o Facebook:

10 comentários:

  1. Oi Ru, tudo bem? :)

    Adorei a história de Fangirl! *-*
    Eu, ano que vem, vou morar no campus da minha faculdade hahah Adoraria ler uma história com esse "cenário" também, iria ser ótimo! Acho que iria odiar a Wren, mas tudo bem :P
    Você conseguiu contar uns detalhes, mas me deixou super curiosa com o restante D: Como faz agora, Ru? hahaha Acho que só lendo o livro, né? Vou ver se compro ele ainda essa semana! Sua resenha está demais.

    Beijocas
    http://www.estantedasfadas.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem acredito O:
      Muito obrigada messmo! Espero que você se divirta muito no campus (sinta meu recalque), porque se for tudo que eu imagino que seja, sua vida vai mudar total.
      E compra logo esse livro porque sério, eu amei demaaais!
      Bjs da tia Ruuh.

      Excluir
  2. Olá.
    Esse livro parece ser incrível, até porque todos adoram essa autora e os livros derla parecem ser muito incríveis. Essa capa é linda e sua resenha me animou.
    Beijos!
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Inês!
      Você deveria mesmo dar uma chance para o livro, ele é demais!
      Btw, amei seu blog.
      Bjs da tia Ruuh.

      Excluir
  3. Oi!
    Adorei Eleanor e Park da autora e to com bastante curiosidade de ler Fangirl e os outros livros dela. Adorei a resenha, me deixou com mais vontade ainda de ler :)
    Abraços
    Guilherme - http://leituraforadeserie.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Guilherme,
      Vou te dizer que o livro não é massante e você vai curtir muuuito!
      Obrigada e vou dar uma olhada no seu blog ein.
      Bjs da tia Ruuh.

      Excluir
  4. Adorei a resenha! Este livro está nos meus desejados, parece ser muito fofo e divertido, além de abordar temas delicados. Fiquei curiosa e preciso ler o quanto antes! :)
    Seu blog é muito bom, amei e estou seguindo. Desejo muito sucesso a você!
    beijos ♥
    nuclear--story.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AAAw! Muito obrigada mesmo Dani.
      Leia e se divirta (ele é engraçado mesmo).
      A-M-E-I seu blog e estou seguindo ;)
      Bjs da tia Ruuh.

      Excluir
  5. Oi, Ruuh! :D Como você está?
    Bom, estou com Eleanor & Park aqui, paradinho na minha estante, só esperando para ser devorado hahah. O tanto de resenhas positivas e elogios que li e ouvi deste livro não é brincadeira! Só me atraiu e me conquistou ainda mais.
    Vi que, se não me engano, A Rainbow só tem estes dois livros publicados aqui no Brasil {Eleanor & Park/ Fangirl}, mas se você souber de algum outro me diga, por favor! <3
    Vamos à resenha.
    Primeiramente sinto em dizer que esse título não me agradou nada, nada :( Mas a capa, é lindíssima na minha opinião e puxada pro estilo jovem, assim como Eleanor & Park. Eu amei-a! Quanto à história, acredite: Eu nunca tinha pensado em ler resenhas sobre este livro e a sua me prendeu de forma inesperada. Acredito que a história traz lá seus momentos de "tensão" mas também tem elementos importantes que você citou e que conquistam o leitor. Verei como me saio com a Rainbow em Eleanor & Park, e quem sabe Fangirl não se torna uma das minha próximas leituras?
    Seu blog é um amor, amei demais teu cantinho.
    Um beijo enorme!
    Paula, Poetisa & Literária

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aw Mirella! Que comentário mais fofo foi esse menina?
      Acho que entendo sua opinião sobre o título, porque foi o que me atraiu (por eu ser uma fangirl), e isso faz com que ele atraia e não atraia públicos com gostos diferentes.
      Mas sobre a história de Eleanor & Park, eu acho que você deveria ler logo! Os livros seguem caminhos um pouco diferentes, então não espere que E&P seja parecido com FG, mas os dois são DEMAIS!
      Assim que Rainbow traduzir mais um livrinho, pode deixar que eu vou ler rapidinho pra fazer resenha ok?
      Beijos da tia Ruuh.

      Excluir

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo